Artigos Alma do Negócio

25 de fevereiro de 2015

EMPREENDEDORISMO NO BRASIL: QUANDO PENSAR GRANDE E SUCESSO VÃO DE MÃOS DADAS

Mercado brasileiro continua sendo promissor para quem quiser dar um passo à frente

“De uma ideia que surgiu no sofá da minha casa em Londres, conversando com a minha esposa, hoje conseguimos tudo isso… E vamos por mais!”, assim se expressava Lucas Lezcano Velez, o criador de Compareemcasa.com.br Durante uma pós-graduação na Inglaterra, o argentino conseguiu o apoio de vários investidores e deu vida a um site que compara seguros de carro, empréstimos e cartões de crédito, ajudando a economizar. Na atualidade, a start-up é líder no mercado argentino e brasileiro.

“Quando eu imaginei esse modelo de negócio, eu sabia que era grande, eu nunca imaginei que a gente ia chegar tão rápido no ponto que estamos hoje; acho que é inimaginável para qualquer empreendedor. Mas sim, desde sempre eu acreditei cem por cento que era algo grande, um mercado gigante, que ainda não é explorado e que nós poderiamos fazer isso. Eu só não achei que seria em dois anos.” Palavras do mineiro Tallis Gomes, fundador da Easy Taxi, o maior aplicativo para celular de chamada de táxis no mundo. Criada em 2011, a empresa já recebeu um total de R$ 55 milhões em investimentos e está presente em 30 países.

Diferentes origens e diferentes histórias que confluem para o mesmo resultado: empreendedorismo. Palavra tão comum hoje em dia no Brasil quanto a iniciativa de milhares de jovens brasileiros que sonham em abrir seu próprio negócio. A mudança no comportamento destes visionários vem pisando forte: ao contrário da tradição milenária e familiar de batalhar para ter um lugar em uma multinacional e fazer carreira dentro dela, eles abrem mão dos seus medos e das suas dúvidas e lutam por cristalizar seu sonho.

Segundo Endeavor, uma das mais importantes organizações de apoio a empreendedores, 76% dos brasileiros sonha em montar a sua empresa. Contudo, qual é o estado atual do cenário empreendedor no Brasil? Embora ainda existam algumas dificuldades para dispor do capital para investir, o Brasil é 4º país do mundo com o maior número de empreendedores. Nem mesmo fatores como a complexidade tributária e o pagamento de juros altos abalam o seu otimismo nem diminui a sua coragem.

Qual terá sido a fórmula do sucesso de Lucas e Tallis? Fé, superação e perseverança foram os pilares que acompanharam o caminho do argentino oriundo da província de Córdoba. Visão, pragmatismo e iniciativa foram as principais condutas que orientaram o rumo do jovem nascido na cidade de Carangola, no interior de Minas Gerais. Eis algumas dicas e reflexões destes dois exemplos de empreendedorismo:

LUCAS LEZCANO VELEZ DIXIT:
“O poder da escolha está em cada um de nós e de nós depende onde estamos e para onde vamos.”
“Acreditem em algo, sintam paixão por algo. Porque sentir paixão é estar vivo e acreditar é a essência do poder. E o poder de decidir o próprio destino está em cada um de nós.”

TALLIS GOMES DIXIT:
“Execução é fundamental. Você tem de ir para a rua, tirar a ideia do papel.”
“Produto certo na hora errada: você pode ter o melhor produto do mundo, se não está na hora certa, você vai falhar.”
“Se você não faz muito rápido, alguém fará mais rápido que você e dominará o mercado.”
“Vá para a rua testar sua ideia. Não existe plano que resista ao primeiro contato com o mercado, então é preciso passar por isso para fazer os ajustes. E você tem de fazer um produto matador, então tem de ter um time matador.”

Tudo parece indicar que o empreendedorismo está ganhando terreno entre os jovens no Brasil. Para quem quiser se aventurar na experiência, aqui estão as conclusões e sugestões do jovem mineiro que conseguiu atingir o sucesso: “Com preparo, vontade e alguém que acredite (na sua ideia), tudo é possível. Parece uma epopeia, autoajuda, mas é verdade.”

Fonte: Compareemcasa.com.br
http://www.compareemcasa.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>