25 de fevereiro de 2015

EMPREENDEDORISMO NO BRASIL: QUANDO PENSAR GRANDE E SUCESSO VÃO DE MÃOS DADAS

Mercado brasileiro continua sendo promissor para quem quiser dar um passo à frente

“De uma ideia que surgiu no sofá da minha casa em Londres, conversando com a minha esposa, hoje conseguimos tudo isso… E vamos por mais!”, assim se expressava Lucas Lezcano Velez, o criador de Compareemcasa.com.br Durante uma pós-graduação na Inglaterra, o argentino conseguiu o apoio de vários investidores e deu vida a um site que compara seguros de carro, empréstimos e cartões de crédito, ajudando a economizar. Na atualidade, a start-up é líder no mercado argentino e brasileiro.

“Quando eu imaginei esse modelo de negócio, eu sabia que era grande, eu nunca imaginei que a gente ia chegar tão rápido no ponto que estamos hoje; acho que é inimaginável para qualquer empreendedor. Mas sim, desde sempre eu acreditei cem por cento que era algo grande, um mercado gigante, que ainda não é explorado e que nós poderiamos fazer isso. Eu só não achei que seria em dois anos.” Palavras do mineiro Tallis Gomes, fundador da Easy Taxi, o maior aplicativo para celular de chamada de táxis no mundo. Criada em 2011, a empresa já recebeu um total de R$ 55 milhões em investimentos e está presente em 30 países.

Diferentes origens e diferentes histórias que confluem para o mesmo resultado: empreendedorismo. Palavra tão comum hoje em dia no Brasil quanto a iniciativa de milhares de jovens brasileiros que sonham em abrir seu próprio negócio. A mudança no comportamento destes visionários vem pisando forte: ao contrário da tradição milenária e familiar de batalhar para ter um lugar em uma multinacional e fazer carreira dentro dela, eles abrem mão dos seus medos e das suas dúvidas e lutam por cristalizar seu sonho.

Segundo Endeavor, uma das mais importantes organizações de apoio a empreendedores, 76% dos brasileiros sonha em montar a sua empresa. Contudo, qual é o estado atual do cenário empreendedor no Brasil? Embora ainda existam algumas dificuldades para dispor do capital para investir, o Brasil é 4º país do mundo com o maior número de empreendedores. Nem mesmo fatores como a complexidade tributária e o pagamento de juros altos abalam o seu otimismo nem diminui a sua coragem.

Qual terá sido a fórmula do sucesso de Lucas e Tallis? Fé, superação e perseverança foram os pilares que acompanharam o caminho do argentino oriundo da província de Córdoba. Visão, pragmatismo e iniciativa foram as principais condutas que orientaram o rumo do jovem nascido na cidade de Carangola, no interior de Minas Gerais. Eis algumas dicas e reflexões destes dois exemplos de empreendedorismo:

LUCAS LEZCANO VELEZ DIXIT:
“O poder da escolha está em cada um de nós e de nós depende onde estamos e para onde vamos.”
“Acreditem em algo, sintam paixão por algo. Porque sentir paixão é estar vivo e acreditar é a essência do poder. E o poder de decidir o próprio destino está em cada um de nós.”

TALLIS GOMES DIXIT:
“Execução é fundamental. Você tem de ir para a rua, tirar a ideia do papel.”
“Produto certo na hora errada: você pode ter o melhor produto do mundo, se não está na hora certa, você vai falhar.”
“Se você não faz muito rápido, alguém fará mais rápido que você e dominará o mercado.”
“Vá para a rua testar sua ideia. Não existe plano que resista ao primeiro contato com o mercado, então é preciso passar por isso para fazer os ajustes. E você tem de fazer um produto matador, então tem de ter um time matador.”

Tudo parece indicar que o empreendedorismo está ganhando terreno entre os jovens no Brasil. Para quem quiser se aventurar na experiência, aqui estão as conclusões e sugestões do jovem mineiro que conseguiu atingir o sucesso: “Com preparo, vontade e alguém que acredite (na sua ideia), tudo é possível. Parece uma epopeia, autoajuda, mas é verdade.”

Fonte: Compareemcasa.com.br
http://www.compareemcasa.com.br

Continue Lendo

11 de novembro de 2014

Artigo do nosso colunista Jefferson Neves

Mudança de Cultura

Meu avô se aposentou com 54 anos de idade, após, trabalhar trinta anos para a Light S/A em São Paulo, mas, com sua grande visão empreendedora, resolveu que sua aposentadoria seria investida integralmente com a diversão ao lado de minha avó e que iria vender serviços domésticos de manutenção elétrica para todo seu bairro.

Nos vinte anos que se seguiram, meus avós conheceram o Brasil de ponta a ponta, e meu avô Joaquim tornou-se a maior referência em serviços elétricos na região, e como sabia cobrar pela sua excelência profissional, prosperou financeiramente.

Em 1997, no funeral de meu avô, um senhor que circulava pelo bairro e que sempre nos cumprimentava, aproximou-se para me desejar condolências e me disse uma frase que carrego comigo todos os dias: Estou triste, pois, perdemos uma pessoa útil que mudou a cultura local.

Desde então, não tolero mediocridade, tampouco, derrotados!

Continue Lendo

31 de janeiro de 2014

Entrevistas na Campus Party Brasil 2014

Nossa apresentadora, Paola Tucunduva, conversou com Marcelo Pimenta coordenador da Campus Party Brasil para entender como funciona e o que podemos encontra lá.
Ela também conversou com a Campuseira Gabriela que trouxe sua equipe de 12 pessoas para acampar no Anhembi esses 5 dias.
Conheça um pouco desta festa Geek e se inspire!

Continue Lendo

21 de novembro de 2013

Entrevista com Marcella coordenadora da Semana Global de Empreendedorismo

Eu estive presente na abertura da Semana Global de Empreendedorismo, evento que contou com a participação do Governador Geraldo Alckmin e painéis com empreendedores Endeavor e grandes personalidades do empreendedorismo brasileiro.
Entrevistei Marcella Monteiro de Barros Teixeira Coelho, Coordenadora da #SGE2013, ela contou sobre o tema e os objetivos para este ano.

Continue Lendo

18 de agosto de 2013

Professor do MIT ensina 24 passos para empreender com sucesso

Bill Aulet, diretor e professor do Centro de Empreendedorismo do MIT, acredita que é possível ensinar praticamente qualquer um a empreender. No livro, Disciplined Entrepreneurship, lançado neste mês nos Estados Unidos, Aulet defende que existem 24 passos para que uma startup alcance o sucesso. O autor acredita que empreendedores de sucesso têm uma característica importante [...]

Continue Lendo

26 de julho de 2013

O empreendedor continua pagando a conta!

Eu recebi um comunicado da Fecomércio, que me deixou revoltada e preocupada, pois para nossa presidente Dilma o empreendedor tem que continuar pagando a conta da ineficiência do Governo!

Segue abaixo o comunicado:
Setor empresarial continuará pagando a conta do governo
Entidade reprova veto da presidente ao projeto que extingue os 10% do FGTS e já está definindo uma estratégia junto aos parlamentares na tentativa de alterar a decisão presidencial, tendo em vista que o projeto foi aprovado pelo Congresso Nacional

Continue Lendo
Página 1 de 1512345...10...Última »